sábado, 13 de dezembro de 2014

Nunca escutou


Mais uma vez eu chorei em silêncio para você não escutar. E isso porque quando eu chorava quietinha, você não sabia que me importava. Que bobeira a minha! Agora, se choro alto, você também não escuta. E mesmo que eu grite, você não escutará. Nada disso adianta, porque você nunca mais vai saber de mim, pois não vou deixar. Não vou mais nem tentar me aproximar. Não me aproximo. Eu nem quero mais te dizer o que quis muito: “que bom que você apareceu para mim! Minha vida não havia de ter passado sem.” Agora é tarde, sei que é. Um bocado tarde, aliás. E mesmo ainda tendo o que falar, quero fazer jus à passagem do tempo. Eu falaria, se discasse meu número, falaria, se não fosse o teu medo de viajar. Mas você não escutaria.

1 Comentários:

  1. Que texto lindo ><
    E mesmo querendo ser vista muitas vezes nós mantemos escolhidos em nosso orgulho, nosso porto seguro.

    Beijinhos :*

    ivrodoreseconspiracao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

« »