sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

5 anos de Psicologia


Fiz essa opção para poder alcançar o mal-dito e o não-dito-nunca. Fiz, para conseguir proteger aquele que pensa que a vida acabou antes mesmo de ela chegar ao fim – quiçá eu mesma. Ou para salvar quem nem sabe que existe vida...

0 Comentários:

Postar um comentário

« »